Conferências Nacionais EUROPLAN

As Conferências Nacionais do EUROPLAN são a ferramenta concebida, por um lado, para promover a adoção e a concretização dos planos ou estratégias nacionais para as doenças raras nos países europeus com base na Recomendação do Conselho relativa a uma ação europeia em matéria de doenças raras, de 8 de junho de 2009, e, por outro, para facilitar a integração das políticas e das recomendações europeias para as doenças raras nos sistemas nacionais sociais e de saúde.

Em cada país, as Conferências Nacionais do EUROPLAN são organizadas conjuntamente por uma Aliança Nacional de associações de doenças raras e pela EURORDIS.

Estas conferências foram cofinanciadas pela Comissão Europeia, primeiro, no quadro do projeto EUROPLAN (2008–2011) e, posteriormente, através da Ação Conjunta do EUCERD (2012–2015) e da RD-ACTION (2015–2018).

Impacto das Conferências Nacionais EUROPLAN

Em 2009, apenas cinco Estados-membros da UE tinham adotado um plano nacional para as doenças raras (Bulgária, Espanha, França, Grécia e Portugal).

Entre 2010 e 2018, realizaram-se, no conjunto, 59 Conferências Nacionais EUROPLAN em 25 Estados-membros da UE, assim como na Geórgia, na Macedónia, na Rússia, na Sérvia e na Ucrânia. Algumas Alianças Nacionais organizaram várias conferências EUROPLAN no seu país.

Em resultado disso, no final de 2018 já 25 Estados-membros da UE tinham estabelecido um plano ou estratégia nacional para as doenças raras. Malta, Polónia e Suécia ainda estão a analisar a adoção de uma estratégia ou de um plano.

Os resultados destas conferências contribuíram sem dúvida para a instituição de planos ou estratégias nacionais em muitos países europeus.

As Conferências Nacionais do EUROPLAN são vitais para a criação, adoção e concretização dos planos nacionais para as doenças raras

A força das conferências nacionais do EUROPLAN reside na sua filosofia e formato partilhados. As conferências são:

• Da iniciativa dos doentes — são organizadas pelas Alianças Nacionais de doenças raras em conjunto com a EURORDIS.

• Multiparticipadas — autoridades nacionais, doentes, cuidadores, profissionais de saúde, meio académico, indústria, assistentes sociais, seguradoras, todas elas participam para trocar experiências e perspetivas.

• Integram os níveis europeu e nacional — os participantes utilizam as conferências como oportunidade de avaliar a integração dos regulamentos, políticas e recomendações europeias nos sistemas nacionais sociais e de saúde.

• Exaustivas — Debatem todas as áreas estratégias do plano/estratégia nacional para as doenças raras, incluindo a governação, os cuidados de saúde nas doenças raras e a investigação.

Page created: 04/04/2019
Page last updated: 04/04/2019
 
 
A voz das pessoas com doenças raras na EuropaEURORDIS A voz internacional das pessoas com doenças raras, Rare Diseases InternacionalRare Disease International Reúne doentes, famílias e especialistas para partilhar experiências num fórum multilinguístico. RareConnect O programa Rare Barometer é uma iniciativa da EURORDIS para a realização de inquéritos para transformar a experiência das pessoas com doenças raras em números e factos que podem ser partilhados com os responsáveis pela tomada de decisões.Rare Barometer An international awareness raising campaign taking place on the last day of February each year, Rare Disease Day is a EURORDIS initiativeRare Disease Day Adira ao maior encontro europeu das partes interessadas no âmbito das doenças raras na Conferência Bienal Europeia sobre Doenças Raras e Produtos Órfãos. A ECRD é uma iniciativa da EURORDISEuropean Conference on Rare Diseases